Column Left

Governo pode liberar 14º salário aos aposentados e pensionistas do INSS



Por meio da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), o Senado Federal se prepara para votar sobre a Sugestão (SUG) 11/2020, que pretende criar o 14° salário para aposentados e pensionistas do  (INSS).

A implementação do 14º salário emergencial, além de socorrer os aposentados que estão em grupo de risco, também pode servir como uma injeção na economia, movimentando assim o comércio no mês de janeiro de 2021.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em 2018, foi comprovado que 43% dos brasileiros com mais de 60 anos são arrimos de família, percentual que sobe para 53% no caso dos homens.

Assim, ciente da dificuldade pela qual grande parte desses beneficiários irá passar pós pandemia, a proposta foi adotada a fim de criar um 14º salário em favor dos segurados e beneficiários do INSS.

Se aprovado, e transformada em Projeto de Lei ou PEC, a proposta é colocada para votação no plenário. Se os senadores aprovarem, o projeto será encaminhado para a Câmara dos Deputados para também ser apreciada pelos deputados por maioria simples.

Após o processo no legislativo, na Câmara e Senado, o projeto enfim é destinado ao presidente da república, Jair Bolsonaro, que decide se veta ou sanciona a lei.

Brejo Notícias.

Postar um comentário

0 Comentários