Propaganda

Últimas Notícias

Produção industrial cai 1,3% em Pernambuco, mas permanece em alta


Pernambuco registrou, pelo segundo mês consecutivo, queda na produção industrial, segundo dados da Pesquisa Industrial Mensal (PIM) de setembro, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Mas mesmo com a queda de 1,3% em comparação a agosto, o Estado registra alta de 1,8% no acumulado do ano, apresentando o melhor desempenho do Nordeste e o terceiro melhor do País no período, apesar da pandemia da Covid-19. Goiás (2,5%) e Rio de Janeiro (2,2%) também tiveram elevações. Enquanto isso, o Brasil acumula perdas de -7,2% no ano.

O Estado ainda registra a liderança nacional no crescimento acumulado de 2020 em dois segmentos: indústria de bebidas (4,4%) e indústria de borracha e material plástico (8,9%). Estes setores juntos representam 10,2% do valor de produção da indústria de transformação de Pernambuco.
O resultado se repetiu no acumulado dos últimos 12 meses: Rio  (3,6%), Goiás (3,4%) e Pernambuco (1,2%) apresentaram alta, enquanto as demais localidades pesquisadas tiveram índices negativos.

Embora Pernambuco tenha apresentado índices negativos tanto em agosto (-3,6%) quanto em setembro, o Estado teve a quinta maior variação positiva entre os locais pesquisados, de 7,5%, na comparação entre setembro de 2020 e o mesmo período do ano passado. A taxa é superior à média nacional, de 3,4%.

Fonte: Folha de Pernambuco

Nenhum comentário