Header Ads Widget

Ex-presidiário suspeito de matar grávida é executado a tiros na zona rural de Caetés


Um ex-presidiário foi executado a tiros no fim da tarde desta quarta-feira (6), no Sítio Caldeirão do Chapéu, na zona rural do município de Caetés, no Agreste de Pernambuco.


Edvaldo Amaro da Silva, de 45 anos, estava com um irmão, quando foram surpreendidos por quatro homens armados que chegaram em um veículo não identificado, três desembarcaram, mandaram eles deitarem no chão e logo começaram a atirar, os tiros atingiram apenas Edvaldo.


Os autores do crime fugiram e ainda não foram identificados pela Polícia Civil, o corpo foi periciado pelo Instituto de Criminalística (IC) e encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.


Edvaldo Amaro da Silva, era suspeito de assassinar Roseilda Paes de Oliveira, de 38 anos, ela estava grávida, foi encontrada praticamente degolada dentro da casa que morava no mesmo sítio em dezembro do ano passado.


Fonte: Portal Agreste Violento

Postar um comentário

0 Comentários