Header Ads Widget

Últimas notícias

6/recent/ticker-posts

Noiva morre ás vésperas do seu casamento após colocar silicone para ficar mais bonita

Noiva morre ás vésperas do seu casamento após colocar silicone
Foto: Reprodução/Facebook

A esteticista Alessia Neboso, de Nápoles, na Itália, decidiu realizar um implante de silicone antes de seu casamento. Ela queria deixar o decote do vestido de noiva mais preenchido. Complicações na cirurgia, no entanto, acabaram levando a jovem de 21 anos à morte na última quarta-feira (20/9).

Uma amiga próxima, que preferiu o anonimato, contou à imprensa italiana que o sonho de Alessia era se casar vestida de noiva com o namorado Mario Lucchesi. O tamanho dos seios já era um incômodo para ela, por isso Alessia decidiu aproveitar os preparativos do casamento para fazer a cirurgia estética.

“Ela sempre teve um complexo com seus seios pequenos, embora eles não fossem tão pequenos assim. Na minha opinião, eles eram perfeitos. Alessia não queria ouvir conselhos e decidiu se submeter a cirurgia a qualquer custo”, disse a amiga da noiva.

Alessia fez a cirurgia no dia 11 de setembro e teve alta no mesmo dia. Sete depois, procurou um pronto-socorro hospitalar porque se sentia mal. Internada, o quadro piorou rapidamente.

Parada cardíaca

“Seus indicadores funcionais estavam todos alterados; os rins já estavam falhando, a contagem de glóbulos brancos estava em 17.000 e ela estava começando a ter dificuldade para respirar”, contou Feliciano Ciccarelli, responsável pelo atendimento da jovem no pronto-socorro médico.

Em situações normais, a contagem total de glóbulos brancos varia entre 4.000 e 11.000 células por microlitro de sangue. Uma taxa superior caracteriza leucocitose, situação na qual o corpo está enfrentando uma infecção.

“Nós a submetemos a todos os testes possíveis. Queríamos entender onde a sepse (infecção) estava localizada. Fizemos uma ultrassonografia e uma tomografia de abdômen, outra tomografia de tórax, e descobrimos que o problema vinha dos pulmões”, conta Ciccarelli.

Dois dias depois de ter entrado no hospital, Alessia morreu por causa de uma parada cardíaca.

Reação da noivo

Nas redes sociais, Mario lamentou a morte da noiva e cobrou a responsabilização da clínica de cirurgia plástica. “Eu te amo, Ale, ninguém nunca será capaz de ocupar teu lugar. Não terei piedade de ninguém até que a justiça seja feita”, publicou em post no Facebook.

Fonte: Metrópoles

Postar um comentário

0 Comentários