Header Ads Widget

Últimas notícias

6/recent/ticker-posts

Trabalhador morre após levar choque elétrico durante limpeza de cisterna em Boa Vigem, na Zona Sul do Recife

Foto: Arquivo/DP

Mais um caso de morte provocada por choque elétrico foi registrado em Pernambuco. 

 

Um trabalhador foi atingido por uma descarga elétrica quando fazia a limpeza de uma cisterna em um prédio em Boa Vigem, na Zona Sul do Recife. 

 

O caso foi registrado pela Polícia Civil, na segunda (3), e divulgado nesta terça (4), por meio de nota. 

 

O acidente aconteceu no Condomínio Maria Yone, que fica na Rua Professor Osias Ribeiro. A vítima não teve o nome divulgado.

 

Conforme a polícia, o fato foi notificado pela Delegacia de Boa Viagem, como "morte a esclarecer".

 

"A vítima, um homem de 38 anos, deu entrada em uma unidade hospitalar local após sofrer uma descarga elétrica ao realizar a limpeza da cisterna de um condomínio em Boa Viagem", disse a corporação.


Ainda de acordo com a nota, relatos de testemunhas apontam que  um fio energizado teria tocado nas costas do trabalhador durante a realização da limpeza. 

 

"A vítima não resistiu e faleceu no hospital. As investigações seguem até o esclarecimento do fato", acrescentou. 


Outros casos


No dia 16 de maio, a polícia registrou uma morte por choque elétrico no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife.

 

Jurandir da Costa Bento, de 53 anos, morreu depois sofrer uma descarga elétrica em um poste.


Segundo a Polícia Civil, o corpo da vítima foi encontrado no telhado da casa, em Cidade Garapu. 

 

"A vítima foi encontrada sem vida, em cima de um telhado metálico de uma residência. De acordo com testemunhas, a vítima sofreu uma descarga elétrica de um poste de iluminação que passou para o telhado", disse a polícia, em nota. 

 

"As investigações seguem até o esclarecimento do caso", acrescentou. 



Detalhes


Segundo a Neoenergia, ele levou o choque "ao manipular uma telha de zinco e tocar acidentalmente na rede de média tensão da distribuidora".

 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu)  enviou uma equipe ao local, às 15h55. 

 

O Corpo de Bombeiros foi acionado para ajudar no resgate do corpo, mas, quando os militares chegaram ao local, Jurandir estava morto.


O caso é investigado pela Polícia Civil, que registrou a ocorrência na Delegacia do Cabo de Santo Agostinho como "morte a esclarecer".

 

Segundo a corporação, "as investigações seguem até o esclarecimento do caso".

 

O corpo de Jurandir foi levado para o IML do Recife, em Santo Amaro.  

 

Fonte: Diário de Pernambuco

Postar um comentário

0 Comentários